Criar conta

Login

Recuperar Senha

Perdeu sua senha? Indique o seu e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Quanto é 10 - 4 ?

Tudo Sobre Clareamento Dental

Tudo Sobre Clareamento Dental

clareamento dental é uma técnica que utiliza produtos que liberam o oxigênio. O oxigênio livre quebra as moléculas de pigmentos em moléculas menores dentro da estrutura dental. Por ser volátil, o gel faz com que o pigmento seja removido da estrutura dentária.

O que eu posso comer durante (e depois) do clareamento dental?

Pelo fato de o clareamento dental ser realizado na estrutura intrínseca do dente (esmalte e dentina), existem alguns alimentos que devem ser evitados durante o tratamento como:

  • café
  • chá
  • chocolate
  • beterraba
  • suco de frutas vermelhas
  • sucos com corantes
  • refrigerantes com corantes
  • vinho tinto
  • molho vermelho
  • cigarro
  • cenoura

O paciente deve manter uma alimentação saudável com certas restrições alimentares durante o clareamento. Porém, após o término do tratamento o cirurgião-dentista deve realizar um polimento dos dentes que permite o retorno à alimentação normal.

Se você tem interesse de ter um sorriso mais branco, contrate online seu plano odontológico Amil Dental você terá acesso a dentistas em todo o Brasil.

O Clareamento dental causa sensibilidade nos dentes?

Você tem dentes amarelos? Deseja fazer clareamento dental? Tem medo da sensibilidade?

Existem 2 tipos de clareamento dental. O ambulatorial realizado no consultório odontológico pelo cirurgião dentista e o caseiro (com moldeiras) realizado pelo próprio paciente em casa sob a supervisão do dentista. Cada um deles utiliza produtos de composições e proporções específicas, portanto, geram reações dentais diferentes.

A pouco tempo atrás o gel clareador dental ambulatorial era ativado por meio de uma fonte de luz. Essa fonte de luz induzia ao aquecimento e gerava sensibilidade pós-operatória. Atualmente alguns fabricantes eliminaram a necessidade de se ativar o produto por meio da luz, reduzindo assim, a possibilidade de sensibilidade gerada pelo calor.

Atualmente a sensibilidade é controlada por meio de produtos dessensibilizantes à base de nitrato de potássio e fluoreto de sódio que são disponibilizados sob a forma de gel para ser aplicado diretamente sobre os dentes pelo cirurgião dentista.

Outros produtos muito bem indicados pelo dentista para o controle da sensibilidade são o fluoreto de sódio 0,05% para bochechos (uso caseiro) ou gel (uso profissional) e os dentifrícios (pastas) dessensibilizantes dentais.

As pastas e o gel dessensibilizante promovem oclusão dos túbulos dentinários por meio de nanopartículas presentes na sua composição. Essa oclusão microtubular bloqueia que o estímulo chegue às terminações nervosas, à polpa e, consequentemente, ao sistema nervoso central.

O resultado obtido por meio desses produtos é a realização de um clareamento dental  com ausência de sensibilidade dolorosa e maior conforto do paciente.

Clareamento Dental a Laser

A face das pessoas é um objeto de admiração, onde são expressos os seus sentimentos. O sorriso é uma das peças-chave que compõem a harmonia facial. Na sociedade atual, pessoas com dentes brancos aparentam maior saúde, juventude e atratividade.

Existem pessoas que apresentam dentes escurecidos naturalmente. Outras possuem alterações de cor dos dentes geradas por pigmentos provenientes da alimentação, medicamentos, traumatismos e anomalias dentárias estruturais congênitas.

Os produtos clareadores dentais são veículos de radicais de oxigênio que  promovem a oxidação ou redução do pigmento associado a ele. Os pigmentos são fracionados em moléculas menores e são eliminados da estrutura dentária por difusão.

A efetividade do clareamento depende de um correto diagnóstico da mancha dental.
O clareamento dental à laser é um método inovador, rápido, seguro e confortável de eliminar os pigmentos dentais. Ele é realizado no consultório odontológico e controlado pelo cirurgião-dentista. O laser além de ativar o produto e acelerar os efeitos clareadores, atua na redução da sensibilidade dental pós-procedimento.

Atualmente também existem produtos clareadores de uso no consultório que oferecem resultados em 1 ou no máximo 2 sessões por um tempo de aplicação mais prolongado e sem a necessidade da ativação por meio de uma fonte luminosa. Alguns dos produtos apresentam na sua composição cálcio, que auxilia a minimizar danos às estruturas dentárias.

O clareamento dental, se bem controlado pelo cirurgião-dentista, não causa danos ao esmalte e à dentina.

Esse procedimento é contraindicado para pacientes gestantes, fumantes e que apresentam sensibilidade aos produtos utilizados no procedimento.

Se você tem os dentes escurecidos e deseja ter um sorriso perfeito em apenas alguns minutos, contrate agora seu plano Amil Dental e tenha acesso a centenas de profissionais em todo o Brasil.

Sobre Cristiano

Profissional da área de Marketing Digital há 10 anos, especialista em criação de sites e SEO.

Deixe um Comentário

Quanto é 10 - 4 ?